segunda-feira, 30 de janeiro de 2006

Uff!

Estes dias tornaram impossível actualizar o blog, e fazer visitas; faço de seguida um resumo rápido dos últimos dias (para perceberem como isto tem sido complicado):
Do dia 25 ao dia 27 de Janeiro:
- Vários projectos em andamento no trabalho;
- Preparação de várias reuniões;
- Escritura da Venda da Casa;
- Na sequência de um surto na escolinha, a Carolina fica doente com Varicela (felizmente com muito poucas borbulhas e sem outros sintomas!);
- Reuniões no trabalhos (as tais que tinha preparado!);
- Finalmente entregam-nos a chave da nova casa!
Dias 28 e 29 de Janeiro:
- Mudança para a nova casa, com uma mamã grávida e uma filha com varicela; valeram-nos a vovó F., o vovô A., a tia M., e quatro primos (três Hugos e um Zé) que se transformaram, por um dia, em carregadores.
Neste momento temos metade da nossa vida metida dentro de caixotes... hoje de manhã para me calçar tive que abrir dois caixotes para encontrar as botas (apesar da etiquetas que pusemos nos caixotes!).
Estamos cansados, mas felizes!
A Carolina anda feliz, sempre a correr entre o quarto, a sua casa de banho amarela e a sala, onde a televisão teima em não dar os desenhos animados que ela pede (o DVD só ficou ligado ontem ao fim do dia!). As borbulhas, doze no total (felizmente), já estão a secar, e só a do nariz (a primeira a aparecer) está mais difícil de desaparecer.

4 comentários:

  1. Estou a ver que andam muito atarefados e entusiasmados com a mudança de casa! :) Espero que sejam muito felizes nas novas instalações. :)

    Ainda bem que a Carolina está bem e feliz! Espero que daqui para a frente esteja tudo mais calminho e consigas "vir aqui" mais vezes. :)

    Bjs

    ResponderEliminar
  2. Uma mudança de casa envolve sempre muito cansaço. Mas, no fim tudo compensa...

    Um beijinho

    ResponderEliminar
  3. Também eu andei em mudanças há um ano... não é MESMO nada fácil!! Andei a desencaxotar uns bons 2 meses!!... mas depois sabe tããããooo bem...
    As melhoras da filhota!

    ResponderEliminar
  4. Sei bem o que custam as mudanças, só não sei como é fazê-lo grávida e com uma pequenota doente, mas de facto, deve ser o triplo do trabalho.

    Espero que a fofinha melhore rápidinho e que uma magia faça esses caixotes que parecem cogumelos, desaparecer mais rápido ;))

    beijinhos.

    ResponderEliminar