quinta-feira, 5 de janeiro de 2006

Calma de Mãe

Ontem ao ler este post, num dos meus blogs de referência, reflecti mais uma vez sobre a calma que por vezes que me escapa ao lidar com as birras, teimosias e afins da Carolina.
O que eu digo no meu comentário é a realidade, hoje em dia dois dos meus grandes objectivos como mãe são: ser capazes de manter a calma perante a Carolina e não elevar a voz.
Mas às vezes é tão difícil... e eu, infelizmente, tenho tendência para ser impulsiva, a reagir logo, a não ter calma...
Com os anos e a maturidade tenho vindo a melhorar, já tenho um maior controlo sobre as minhas emoções e, quase sempre, consigo reprimir a primeira palavra que chega aos lábios perante as situações que me irritam.
No entanto, às vezes tenho a sensação que a Carolina, percebendo este meu ponto fraco, gosta de o testar e de me levar aos limites, que uma vez ultrapassados fazem com que minha voz se eleve e a serenidade desapareça.
Agora com outro filhote a caminho, pergunto-me se vou conseguir, de uma vez por todas, livrar-me do mau feitio e gozar ainda mais e melhor a maternidade (ou pelo menos sem a tristeza que por vezes me assalta, momentos depois de me zangar com a Carolina).

5 comentários:

  1. Só o facto de te preocupares com esta questão é meio caminho andado. Acho que só com o tempo e com a experiência aprendemos a ser melhores mães. Vamos aperfeiçoando o nosso comportamento à medida que as coisas acontecem. Erramos (muito) e cada erro é um passo em frente. Por isso acredito que quando nascer o teu segundo filho tu estarás (ainda) mais preparada para as situações difíceis.

    Isto está um bocado confuso. Espero que tenhas percebido.

    ResponderEliminar
  2. não te perguntes mais...vais ter que te mentir se te responderes.
    ès tipo a Gabriela ("eu násci ássim....gábriehheeeláaaa")

    ResponderEliminar
  3. Se me dessem 1€ por cada vez que já disse que me admirei com atitudes tuas em relação a Barriguita, todos os meses ia jantar fora a tua pala.

    Não sei se vais ou podes melhorar mais, mas pelo menos, continua pelo bom caminho, porque a kanina com os seus quase 4 anos é uma criançinha excepcional, inteligente e muito perspicaz.

    ResponderEliminar
  4. A carolina é uma miuda inteligente e com uma personalidae forte, feita para os dias de hoje... Com ela ninguem vai fazer farinha. E isso é mt importante.

    É natural que queira treinar contigo, afinal és a pessoas ou uma das pessoas mais especiais para ela. E isso nenhuma briga de infância vai apagar.

    ResponderEliminar
  5. Concordo com os comentários anteriores, principalmente com o último. O importante é mesmo que a C. esteja preparada para enfentar a "selva" em que vivemos.

    Também tenho as mesmas dúvidas e inquietações que tu, mas penso que isso faz parte do nosso papel enquanto mães! :)

    Bjs e um excelente fds!

    miminhos
    de pano

    flor de leite

    ResponderEliminar